15 de outubro de 2019    19:00 às 21:30
CPUA Itinerante
Auditório da AMUNESC - Rua Max Colin, 1843 89204 - 535
Público Alvo: Arquitetos e Urbanistas, Estudantes de Arquitetura e Urbanismo, Poder Público, Sociedade Civil e Outros

A Comissão de Política Urbana e Ambiental do CAU/SC – CPUA, convida para participar da CPUA Itinerante: Acessibilidade e Patrimônio, na cidade de Joinville, dia 15/10. Esta ação  foi desenvolida em conjunto com as Câmaras Temáticas de ‘Acessibilidade’ e ‘Cidade: Patrimônio de todos’, com o intuito de ampliar a discussão inerente aos temas.

As discussões internas dos grupos permitiram desenvolver planos de trabalho a fim de difundir as temáticas entre arquitetos e urbanistas e a sociedades. A acessibilidade é um fator capaz de oferecer igualdade de oportunidade para transitar por espaços públicos ou privados, com conforto, segurança e autonomia, reduzindo ao máximo as barreiras físicas. Assim faz-se necessário sensibilizar a sociedade sobre a importância de garantir acessibilidade nos espaços de uso público e coletivo, respeitando o direito constitucional de ir e vir, na busca de uma cidade inclusiva. Quanto ao patrimônio a crescente perda de exemplares significativos do Patrimônio Cultural Catarinense, na última década, ocorre, muitas vezes, devido à ausência do reconhecimento da sociedade sobre a relevância desse patrimônio, bem como à falta de conhecimento técnico adequado dos profissionais que atuam na área do patrimônio. Tais problemas têm levado à perda gradativa da memória urbana e da identidade local das nossas cidades. O risco de perda de exemplares do Patrimônio Cultural Catarinense também é impactado pelos seguintes aspectos: as deficiências na formação acadêmica e na atualização e capacitação profissional; a insuficiente comunicação do setor com a sociedade; a atual insuficiência legal na área do patrimônio; a vulnerabilidade institucional encontrada nas estruturas governamentais e nas ações ligadas à preservação e à gestão do patrimônio cultural.

Programação:

18h00 – Credenciamento – Café de boas-vindas
18h30 – Abertura
18h45 – Circuito Urbano da ONU
19h00 – Mesa Acessibilidade: da formação a atuação
Ensino na área de acessibilidade: Ana Lúcia Córdova Wandscheer
Prática profissional e acessibilidade: Heloísa Régis Vaz
Mediadora: Silvia Helena Caprário – Conselheira CAU/SC e coordenadora da Câmara Temática de Acessibilidade
20h00 – Mesa Patrimônio Cultural: da formação a atuação
Ensino e prática na área de Patrimônio Histórico: Simone Harger
Mediadora: Anne Elise Rosa Soto – Membro da Câmara Temática Cidade: Patrimônio de todos
21h00 – Encerramento

Currículo dos palestrantes:

Ana Lúcia Córdova Wandscheer

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFSC, Especialista em Gestão Educacional e Metodologia do Ensino Interdisciplinar na Faculdade Dom Bosco de Ubiratã, graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC (1997), sócia proprietária do escritório de arquitetura Progetare Arquitetura e Interiores e professora do curso de graduação de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Alto Vale do Rio do Peixe, UNIARP. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, Paisagismo, Acessibilidade, Arquitetura de Interiores e Teoria da Arquitetura e Urbanismo. Participa da Câmara Temática de Acessibilidade do CAU/SC.

Heloísa Regis Vaz

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (1993). Especialização em Direito Urbanístico, no CESUSC – Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina, com conclusão prevista para 2019, mestranda no Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFSC. Atuou como Consultora de vendas e executiva de contas na Portobello S.A., entre 2004 e 2013, entre 1993 e 2003 atuou como arquiteta nas principais construtoras de Florianópolis, como a Cota Empreendimentos Imobiliários, Planel Engenharia e Construções e Magno Martins Engenharia. Atualmente, é agente administrativo na Prefeitura Municipal de Antônio Carlos – SC, com atuação na área de Arquitetura e Urbanismo.

Simone Harger

Mestranda em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental pela UDESC, possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (2000) e especializações nas áreas de Gestão Urbana (2001), Gestão de Restauro (2005) e Gestão de Cidades e Empreendimentos Criativos (2013). Possui ainda, formação técnica em Avaliação de Imóveis e Transações Imobiliárias (2016). Tem experiência nas áreas de Arquitetura e Urbanismo e Gestão do Patrimônio Cultural, com ênfase em restauração arquitetônica, preservação, valorização e sustentabilidade de bens culturais. Trabalhou na Fundação Catarinense de Cultura como Diretora de Preservação do Patrimônio Cultural. Atualmente trabalha como arquiteta restauradora e consultora nas áreas de conservação urbana integrada, sustentabilidade e restauração de arquitetura histórica.

QUAIS ODS ESTA AÇÃO IMPACTA:

ODS 03 – Saúde e bem estar
ODS 04 – Educação de qualidade
ODS 10 – Redução das desigualdades
ODS 11 – Cidades e comunidades sustentáveis
ODS 16 – Paz justiça e instituições fortes
ODS 17 – Parcerias em prol das metas

Este projeto faz parte do Circuito Urbano 2019, da ONU Habitat – http://www.circuitourbano.org/ 

Inscrições pelo site encerradas, somente no local