Comissões se reúnem para discutir e planejar ações

Entre os principais pontos das pautas estão projeções de ações, orientações e fiscalização para 2017

Publicado em

Os membros das comissões do CAU/SC reuniram-se durante o primeiro dia do ” 2º Congresso Catarinense de Arquitetos e Urbanistas – Cidade Inteligente Pensa” para debater e encaminhar demandas de cada setor. Entre os principais pontos das pautas estão projeções de ações, orientações e fiscalização para 2017.

A Comissão Ordinária de Contas e Atos Administrativos se reuniu para analisar os projetos recebidos em 2016 para patrocínio. Os membros ainda teceram considerações sobre a situação financeira do CAU/SC. “Durante todo o ano conseguimos trabalhar com previsão para antecipar as questões financeiras e nos mantermos abaixo do tetode gastos estipulado pelo TCU” destacou o Coordenador da Comissão Rodrigo Kirck Rebêlo.

Já a Comissão de Ética e Disciplina reuniu se com os núcleos de decoração de Florianópolis para debater o redirecionamento na atuação das entidades. De acordo com o Arquiteto e Urbanista, coordenador Sergio Oliva, a comissão acredita que esse encontro tenha apontado uma nova perspectiva para 2017.

As ações para 2017 também foram as principais linhas condutoras para a Comissão de Políticas Urbanas. A previsão é de que um seminário ocorra no começo de 2017. Uma das pretensões do seminário é ampliar os esclarecimentos sobre o plano diretor de cidades catarinenses.

A viabilização de atlas digital dos cursos de arquitetura e urbanismo do Estado e as ações comemorativas ao 5º ano do Prêmio TCC que ocorre em 2017 se destacaram nas discussões da Comissão de Ensino e Formação. A Comissão ainda planeja o lançamento de uma revista comemorativa contendo as publicações premiadas desde o primeiro ano do prêmio.

A Comissão de Exercício Profissional trouxe entre as pautas desse encontro, as atribuições e responsabilidades dos arquitetos quantos as questões ambientais. Os membros ainda discutiram o projeto piloto do Primeiro Festival Brasileiro de Arquitetura Social e a participação do CAU/SC no seminário “Habitat III+ COP 21 – E suas inserções nas Políticas Urbanas” que ocorreu em outubro, no Paraná.


Deixe seu comentário