Publicado em

Em virtude do dia dos professores, comemorado no dia 15 de outubro, o CAU/SC prestou uma homenagem em suas redes sociais a todos os profissionais que motivam diariamente, a descoberta de novos transformadores. Para marcar a importância da data, contamos brevemente a história da paquistanesa Malala, reconhecida mundialmente pelos seus esforços em defender a educação em seu país. Há, na história da humanidade, muitos exemplos de professores que, assim como a jovem paquistanesa, fizeram – e ainda fazem – a diferença no mundo. Gente que escolhe como profissão, o despertar de novos talentos. Sobre o ensino nos cursos de Arquitetura e Urbanismo, nossa equipe de Comunicação conversou com a conselheira Jaqueline Andrade que é, também, coordenadora da CEF (Comissão de Ensino e Formação).

“Hoje vivemos num momento onde muitas relações se tornam rasas, e não é diferente na relação professor-aluno. O professor cumpre o horário da aula e o acadêmico a frequência. Mas o ensino de arquitetura e urbanismo é mais que isso: é vivência e permanência. Ter isso num relacionamento entre docente e discente é a concretização de um aprendizado vindouro. O ambiente do ensino, seja ele a sala de aula, ateliê, maquetaria ou mesmo a cidade, é rico de interações, afinal somos seres sociáveis, e nessa sociabilidade nada é mais fascinante do que contribuir com a formação profissional de um aluno e aprender tanto quanto ele. Essa relação de confiança pode ultrapassar os limites da academia, chegando a prática profissional onde criamos espaços para que as relações aconteçam. O percurso dentro da academia nem sempre é fácil, mas é indelevelmente gratificante.”

A equipe do CAU/SC registra os parabéns a todos os professores que tem, como maior projeto, a troca de conhecimentos e aprendizados.


Deixe seu comentário