Publicado em

Palestras, bate papo, interação. Um diálogo aberto e descontraído sobre os vários temas relacionados a Arquitetura e ao Urbanismo. Desde quando foi implantando em 2015, até hoje, o CAU nas Escolas tem marcado presença em várias universidades do Estado, levando esclarecimento e troca de informações sobre as atribuições relacionadas ao bom exercício da Arquitetura. “O CAU nas Escolas é um dos projetos estruturadores da CEF, pois é uma ótima oportunidade de aproximação dos futuros arquitetos e urbanistas com o seu Conselho profissional”, diz Jaqueline Andrade, coordenadora da CEF (Comissão de Ensino e Formação).

E a primeira ação do projeto em 2018, começou muitíssimo bem, obrigada! Uma média de 150 estudantes foram atendidos nas palestras realizadas nos municípios de Criciúma (UNESC), Laguna (UDESC) e Tubarão (UNISUL). “Iniciamos o CAU nas Escolas desse ano com uma novidade: agora, não apenas os estudantes do último serão beneficiados pela ação. Já no primeiro período os alunos poderão trocar informações com a nossa equipe sobre os temas que envolvem a profissão trocando ideias, inclusive, sobre temas polêmicos, como PL, por exemplo”, comenta Melina Marcondes, assessora da CEF.

Outra novidade do projeto é a participação de membros da equipe de Fiscalização durante as palestras. “No nosso bate papo, tivemos a oportunidade de desmistificar o conceito que muitos têm de relacionar fiscalização com denúncia. Além disso, também pude compartilhar um pouco da minha trajetória profissional, trocando ideias sobre desafios e vivências”, conta Fernando Hayashi, Gerente de Fiscalização do CAU/SC, que acompanhou a primeira ação do projeto em 2018. Durante a interação com os universitários, Hayashi sugeriu para que cada estudante respondesse a seguinte questão: “Porque quero me tornar um Arquiteto e Urbanista?A reflexão, segundo o arquiteto, gerou um resultado valioso: “A maioria das respostas sugeriam a ideia do impacto social que a Arquitetura e o Urbanismo podem causar na vida das pessoas e da comunidade. Ou seja, a turma está no caminho certo”, comemora o gerente.

 

 


Deixe seu comentário