Publicado em

A direção do CAU/SC expediu nova orientação prorrogando o regime de trabalho remoto, reuniões presenciais e atividades coletivas na autarquia federal. A Deliberação Plenária Ad Referendum nº 03/2020, assinada pela Presidente Daniela Sarmento, estende o teletrabalho dos funcionários até 15 de maio. A decisão foi validada por unanimidade pelos membros do CD nesta segunda, 4 de maio, que decidiu ainda recomendar ao plenário a extensão do período até 31 de maio. O atendimento segue sendo oferecido por telefone, e-mail e whatsapp, como ocorre desde 15 de março.

A medida leva em consideração as medidas internacionais pela redução das contaminações pela Covid-19, reiteradas em regulamentações do Governo do Estado e do CAU/BR. “O Conselho deve agir com cautela, contribuindo com medidas preventivas e responsáveis para para assegurar a preservação da saúde e da vida de seus empregados, conselheiros e do público atendido”, alerta o texto da deliberação 03/2020. Acesse aqui

Até 30 de abril, a Secretaria de Estado da Saúde havia contabilizado 2.085 casos de covid-19 e 46 vítimas fatais da doença em Santa Catarina. No Brasil, eram 85.380 as pessoas comprovadamente contaminadas e 5.901 mortas.

Trabalho remoto

Quarenta dias se passaram desde o alerta internacional que convocou governos, instituições, empresas e toda a sociedade brasileira a adotarem medidas para conter a pandemia provocada pelo coronavírus. No CAU/SC, os serviços de fiscalização, atendimento, reuniões de comissão e outras atividades foram mantidos, porém, à distância. Com o apoio da Coordenação de Tecnologia da Informação, funcionários, estagiários e conselheiros passaram exercer suas atividades 100% remotamente.

Por meio de reuniões virtuais e sistemas integrados, a equipe divide tarefas, toma decisões, realiza atendimentos e mantém o CAU/SC em atividade. Ao mesmo tempo, preserva a própria saúde e contribui para elevar o Índice de Isolamento Social necessário para contenção da pandemia no estado. “Apesar da quebra de rotina repentina e de estar impossibilitada de interagir diretamente com os colegas de trabalho, me sinto muito privilegiada pela oportunidade de estar em casa, segura”, afirma a da secretaria do CAU/SC, Bruna Porto Martins.

Ao mesmo tempo, a equipe aproveita para ampliar a convivência familiar. Normalmente dividida entre as aulas da Faculdade de Jornalismo e o estágio, a estudante Iraci Falavina vem aproveitando o novo regime de trabalho. “Embora o contexto seja um pouco assustador, o home office me permitiu passar mais tempo com a minha mãe. Ao menos agora conseguimos fazer coisas que antes não eram possíveis, como ver um filme juntas”, conta.

Diferença entre distanciamento, isolamento e quarentena*

Distanciamento social: Redução de interação entre as pessoas para diminuir a velocidade de transmissão do vírus
Isolamento: separação das pessoas doentes (sintomáticos respiratórios, casos suspeitos ou confirmados) das que não estão doentes para evitar a propagação do vírus
Quarentena: Restrição de atividades ou separação de pessoas presumidamente expostas mas que não estão doentes, seja por que não foram infectadas ou por que estão em período de incubação)

Fonte: UFRGS e Serviço de Saúde do Rio Grande do Sul

 

Atualizada em 5 de maio de 2020 às 13h44min

Deixe seu comentário